17/02/2015

Oi gente, tudo bem por aí?

Como vocês sabem eu não viajei no carnaval e aproveitei pra descansar, e olha isso eu realmente fiz viu? Teve um dia que dormi 12 horas direto. Ahhh que delícia!


O problema é que dei uma abusada na alimentação, porque resovi não me apegar a isso, queria mesmo era ficar “de pernas para o ar”.
Sábado passei o dia fora, fui na Santa Ifigênia atrás de umas coisinhas aqui pra casa e um acessório pra melhorar nossos vídeos do CANAL (depois eu conto). E mais tarde, neste mesmo dia fomos até São Bernardo na rua Jurubatuba. Quem mora por aqui no ABC já deu uma passadinha lá pra ver quanta coisa linda?

Dá vontade de levar tudo e decorar a casa toda. Mas calminha né? Uma coisa por vez. Bom, o fato é que como saimos muito cedo de casa eu estava apenas com o café da manhã e por volta das 3 horas da tarde fomos à uma padaria lá perto pfra comer um lanche.

Eu me rendi então à um x salada, simmm, e eu nem me lembro a última vez que eu tinha comido um lanche desses.
Tava gostoso sim e eu comi sem dó. Então depois de esperimentar uns 50 sofás, finalmente achamos aquele pra chamar de nosso o/. Entre as negociações e tudo, saímos da loja mais de 8:30 da noite. Já em casa, mortos de cansados, fomos de novo da praticidade: PIZZA.

No dia seguinte no café da manhã, meu estômago não estava muito legal, fui de tapioca com queijo e até aí ok.

Um pouco mais tarde, como já parecia que estava tudo bem e eu estava novamente envolvida com outros afazeres nem me preocupei de novo com o que ia comer, a fome veio e eu comi de novo a pizza que sobrou do dia anterior.

Quem me acompanha no INSTAGRAM e FACEBOOK, viu que meu café da tarde foi um bolo delicioso que meu marido fez.

Nosso forno chegou e queríamos estrear com um bolo pra ver se estava funcionando direitinho. Depois quando a cozinha tiver pronta eu faço um post sobre as minhas impressões da diferença do forno elétrico pra o a gás tá?

Pois continuando, fomos ao cimema e veio então aquela pipoca LOTADA de manteiga, juntamente com um balde horroroso de refrigerante zero (credo como pode ser tão ruim), mas ok, nem tomamos a metade e foi sem querer que meu marido perguntou, pode ser coca zero? Eu lá entretida na conversa com a minha prima respondi que sim, e depois nos arrependemos, porque refrigerante já é bem ruim, e esses de cinema cheio de gelo então, eu heim, que horror! Nem tomamos.

Já em casa, estávamos com fome e como era muito tarde, só nos restou de novo pedir mais uma pizza.

Bom, na segunda feira de carnaval, eu acordei com uma dor insuportável de estômado, daquelas que você nem aguenta olhar pra comida, e o pior de tudo, meu intestino estava preso de tanta porcaria que comi.
Meu corpo respondeu bem mal a isso, e foi então que lancei mão de uma dieta mais branda.

Tínhamos um churrasco pra ir, e eu acabei desistindo, a ressaca das porcarias não me deu ânimo, além da dor, e eu preferi ficar deitada.

Comi tapioca, tomei algumas xícaras de chá de hortelã  (que ajuda na digestão), e fiz uma sopa de legumes bem leve para comer no almoço, que vou ensinar a receita depois aqui.

O que levei de tudo isso?

Comer bobagens é uma delícia e é saudável pra mente, porque a gente não se tortura quando foge a regra. Mas passar mais de dois dias somente com essa dieta sem nada a agregar para quem tem uma alimentação saudável é horrível, muda todo o funcionamento do corpo e ele responde como pode né? Dores de estômago, intestino preso, enfim, é preciso desitoxicar o coitadinho pra ajudá-lo a se recuperar.

Tem um post AQUI e outro AQUI  onde dei dicas de uma dieta leve e nutritiva pra ajudar o corpitcho a se recuperar.
Fique ligado que o próximo post teremos a receita da sopa, e vamos juntos que o carnaval já tá quase acabando, vamos nos preparar pra voltar a rotina sem maiores danos né?

bjus

Compartilhe com os amigos:
Comentários 0

Leia Também

  • Consumismo x Economia
  • Nova Rotina de treino
  • O ano que a bagunçou a minha dieta
  • Comente pelo facebook:
    Comente pelo Blog: